quinta-feira, 15 de julho de 2010

We Will Rock You - Dia Mundial do Rock


Hoje é o Dia Mundial do Rock, uma data para toda uma nação universal, que é imortal como este gênero musical, que encanta e cria admiradores até hoje. Nada contra outro gênero, mas que o bom e velho Rock ‘N’ Roll me salva a alma, isso só ele o pode fazer.
Gosto sim de outros gêneros musicais, inclusive, até um sambinha... mas, claro que não tolero outros, como por exemplo, o Funk. Quando digo “Funk”, me refiro ao Funk brasileiro, não ao verdadeiro Funk. Enfim, mas estamos aqui para falar de Rock, não é?

Tudo começou quando eu tinha apenas cinco anos, quando o meu tio estava no pátio da casa de minha avó, tocando algumas músicas no violão. Parei de brincar e fiquei no pátio, prestando atenção. Meu tio estava tocando “Knockin' On Heaven's Door”, do Bob Dylan (apesar de ter conhecimento que o músico tem outros gêneros), que até então, era apenas um desconhecido para mim.
Esqueci de brincar, pois aquilo era muito mais interessante. Mesmo sem saber a tradução da música, ela foi traduzida para meus ouvidos: cada vez que escutava, sentia algo bom, ao ouvir a voz do tal Bob Dylan, combinando com os acordes do violão... simplesmente incrível! Como explicar? E até hoje gosto de Dylan.


Primeiro foi Dylan, logo depois conheci Guns N’ Roses, banda essa que sou fã até hoje. Meu tio tinha as VHS dos shows da turnê Use Your Illusion I & II, filmado no Japão.
De cara, “Civil War” tornou-se uma de minhas favoritas, assim como “Estranged” entre outras... Achava interessante o Axl Rose cantar de forma furiosa no palco, quando em outros momentos ele parecia sereno. Slash e seus solos hipnotizantes... bons tempos (pelo o menos de Guns) que não voltam mais.


Minha infância foi desta maneira, brincando e curtindo um bom rock. Lembro de quando "conheci" Pink Floyd, Barão Vermelho, Black Sabbath, AC/DC, Metallica... U2! Já faz um bom tempinho que sou fã de U2. Lembro que gostava de escutar o The Best of 80-90 do U2, e desde aquela época eu já gostava da capa do álbum. Lembro de quando comprei o meu primeiro vinil, um vinil do Cazuza. Lembro também de quando ouvi pela primeira vez "Wild Horses" dos Rolling Stones. Quantas e quantas vezes eu coloquei o volume no máximo ao escutar Queen... o que ainda o faço. O rock faz parte da minha vida, e sempre fará. Eu já disse que o aniversário do meu filho será ao som de Ramones? É, vai ser irado.


E, eu não vou gastar meu tempo falando dessas bandinhas que acham que fazem parte do gênero, pois, vão sumir no tempo. Querem se imortalizar no gênero? Tá fo*! Tá pensando que é o David Gilmour?
Poderia listar as bandas que gosto, mas isso seria cansativo. Pensei muito em um hino, algum vídeo para postar aqui, mas aí já fiquei indeciso... Bom, acho que vou ter que fechar com “I Believe in Miracles”, dos Ramones, onde aparecem vários nomes de bandas e ícones do gênero (e até mensagens). E para toda a nação do rock: VIDA LONGA AO ROCK ‘N’ ROLL!

4 comentários:

  1. Já falei que sou fã do seu blog? NÃO! P* cara! Isto é demais véy!
    "Gosto sim de outros gêneros musicais, inclusive, até um sambinha... mas, claro que não tolero outros, como por exemplo, o Funk."
    Posso até ouvir no meu cotidiano outros gêneros musicais, pois sou BEM eclética, mas não deixo de fora da minha "playlist" o velho Rock 'N' Roll!
    Vida looooooonga ao Rock 'N' Roll parceiro!

    Beeeeeeeeeeeeijão da Karlinha ;D

    ResponderExcluir
  2. Seja qual lista, tem que ter um pouco de rock.

    Obrigado, prima.

    Abraços!

    ResponderExcluir
  3. O rock é imortal, sempre será a trilha sonora da minha vida.
    Cresci ouvindo rock, olhando pros vinis do meu pai (eram muitos) e achando aquilo tudo tão irado.
    O rock corre em minhas veias, tanto que nem me lembro quando e como essa paixão começou, foi simplesmente natural.
    Vida longa ao Rock'n'Roll!!!

    ResponderExcluir
  4. "Cresci ouvindo rock, olhando pros vinis do meu pai (eram muitos) e achando aquilo tudo tão irado." Essa coleção devia ser irada! Digo isso, pois lembro da foto do compacto que vi de "Under Pressure".

    Um tesouro! Mas iremos ter a nossa coleção.

    Beijos e Abraços!

    ResponderExcluir

Todos os comentários serão lidos e sempre que possível respondidos.